Categories Style it

Quebrar regras

Postado em
Quebrar regras

É muito interessante perceber que podemos (e devemos) quebrar regras, que foram sendo impostas ao longo do tempo, sobre o que vestir consoante uma série de factores, nomeadamente, o nosso tipo de corpo.

Hoje em dia as mulheres já vão tendo alguma noção de que o seu corpo tem certas características que podem ser realçadas ou disfarçadas consoante a roupa que vestem. Isso é algo bom e importante. No entanto, até que ponto podemos acreditar em tudo o que pesquisamos ou até que ponto devemos impor a nós mesmas estas “regras” pré definidas.

Antes de continuar, quero realçar uma coisa importante. Não gosto da palavra regra!! Acho que tem um significado tão rígido e não é esse o objectivo. Como consultora de imagem é importante para mim realçar que não existem regras, mas sim orientações que cada mulher pode escolher seguir ou não. No entanto, vou usar muitas vezes aqui esta palavra para conseguir transmitir melhor o quanto é importante sabermos “quebrar regras”.

Não vos vou mentir… Realmente existem peças que favorecem e outras que não favorecem cada particularidade do corpo de cada mulher e é muito importante termos conhecimento destas orientações. É crucial conhecermos o nosso corpo e saber tirar o melhor partido dele. No entanto, também é crucial ter em consideração os nossos gostos, personalidade e rotinas.


A nossa imagem e bem-estar é uma combinação de variadíssimos aspectos e por isso é tão essencial saber

quebrar regras e perceber realmente o que nos fica bem e faz feliz!!!


Quebrar regras | Lista de regras a explicar e contornar

1. Mulheres gordas não podem usar riscar horizontais

Esta é uma das regras mais velhas de todos os tempos!!

Não vos vou dizer que não influencia de todo, pois seria mentira. Realmente, o uso de riscas horizontais pode criar a ilusão de que a pessoa parece mais larga. Mas isso não significa que vamos abolir totalmente as riscas caso tenhamos uns quilinhos a mais. Vamos sim ser inteligentes e usar riscas de forma coerente e equilibrada.

O uso de riscas mais finas de cores mais discretas, modelos estruturados, uso de uma peça cintada por cima e a conjugação com peças mais exuberantes são algumas formas favorecedoras de usar riscas.

Blusa de riscas com casaco com cinto | Trench coat de riscas cintada e com cinto | Vestido de riscas com cinto preto a casaco cintado por cima | Camisola de riscas com saia vermelha com pregas

2. Mulheres baixas têm de usar salto alto

Um belo sapato de salto alto faz milagres em mulheres mais baixas, claro. Mas isso não quer dizer que seja a única opção ou que seja uma regra obrigatória. Eu sou uma mulher baixa e nem quero imaginar o que seria dos meus pezinhos e coluna se só usasse sapatos com saltos de 10cm…!!!

Outros truques para alongar a silhueta, fazendo-nos parecer mais altas, são o uso de looks monocromáticos, riscas verticais, sapatos da mesma cor da pele ou da calça e sapatos de bico. Para quem gosta mesmo daqueles centímetros a mais o uso de cunhas também resulta e é bem mais confortável. E para quem adora uns clássicos pumps e anda bem com eles, força nisso!!

Look em diferentes tons de cinza | Vestido escuro com riscas verticais finas de diferentes cores | Look casual de calças pretas com botins pretos | Look de vestido curto branco com sabrinas tom de pele

3. Mulheres gordas só podem usar preto

Não é bem assim… Esta regra baseia-se no facto de que cores mais escuras ajudam a disfarçar o volume.

Sim, é verdade, o preto ajuda a parecer mais esguia, mas não é a única cor com esta vantagem. Muitas outras cores, quando usadas em tons mais escuros, ajudam a disfarçar alguns quilinhos extra. É o exemplo do bordeaux, azul, verde, castanho, cinza.

Sugestão: Divirtam-se a misturar as cores mais escuras (nos sítios com mais volume natural) com cores mais alegres para dar vida e personalidade ao vosso look.

Vestido curto bordeaux e preto | Vestido azul comprido com blusão de ganga ! Calças petas com camisola verde escura e blazer mostarda | Calças pretas, blusa verde pastel e casaco padrão zebra

4. O branco engorda

As cores mais claras e/ou com brilho normalmente criam um efeito visual de maior volume corporal. No entanto, não devemos “levar isto à letra”, como se costuma dizer. Temos de analisar bem a questão, pois muitas vezes o que cria maior volume até é o modelo da peça e não a sua cor. Além disso, não sou nada adepta de abolir uma cor do meu guarda-roupa só porque não me favorece tanto como as cores mais escuras. Devemos usar todas as cores que nos façam sentir bem e bonitas!! Acima de tudo escolham o modelo certo ao vosso tipo de corpo e sintam-se lindas!!

O que me dizem?

Estão prontas a quebrar regras??!!

Vamos lá!! 😉

Beijinhos,

Rita C.


Fonte das imagens: https://www.pinterest.pt/consultoriadeim/style-it/

Com especial destaque para https://www.pinterest.pt/girlwithcurves/

2 comentários

2 comentários

  1. Não sei se será um quebrar de alguma regra, mas na minha cabeça mulher baixa não pode usar saia/ vestido comprido, ou pode?

    1. Sou muito contra dizermos que “pode” ou “não pode” usar algo.
      É verdade que saia ou vestido comprido não é o que mais favorece as mulheres baixas, mas se a pessoa gosta muito há maneiras de equilibrar as proporções. Por exemplo, podes usar um calçado de salto mais alto da mesma cor da saia e/ou usar um look monocromático, o que vai criar um alongamento visual na figura.
      O importante é a mulher sentir-se bonita!!! 😉
      Um beijinho

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *